WeCreativez WhatsApp Support
Nosso suporte está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
Oi, precisa de ajuda?

Ter ou não ter um site ? Eis a questão

Muitos clientes nos fazem essa pergunta e respondemos com algumas variáveis. em termos gerais temos algumas considerações que são genéricas e outras talvez mais específicas.

Quando estamos à frente de um negócio ou empresa achamos que as redes sociais são coisa muito séria. Já quando estamos fora do nosso expediente olhando as redes sociais queremos que ela apenas nos enterta. achamos isso porque estamos tendo uma visão errada do que é rede social.

As redes sociais servem para conectar pessoas ou empresas através de um relacionamento ou proximidade. As redes sociais tem como objetivo unir as pessoas.

É claro que existem pessoas que vendem muito no Facebook, que vendem muito no Instagram e outras que vendem muito no WhatsApp. Mas o objetivo das redes sociais não é de vender e sim o do relacionamento e é claro que ocasionalmente ela é um campo propício para acontecer uma venda.

Voltando ao assunto sobre ter ou não ter um site a pergunta principal que fazemos é a seguinte: o seu produto ou serviço que você está vendendo, as pessoas pesquisam por ele ? Se a sua resposta é sim então você deveria ter um site.

Vou dar alguns exemplos que são mais difíceis de serem pesquisados na internet.

Você pesquisa sobre durex na internet?

Pesquisa sobre pão francês na internet?

A não ser que você queira fazer seu próprio pão normalmente você não faz esse tipo de pesquisa porque você já sabe que quando precisar de um pão francês é só ir ali na padaria. E quando precisar de um durex é só ir ali na papelaria ou no armarinho.

Fizemos algumas comparações de pesquisas entre Facebook e Instagram e Google, pesquisamos sobre pedreiro, pintor, materiais de construção e podemos comparar um detalhe.a resposta da pesquisa nas redes sociais Facebook e Instagram são muito menores do que a do Google. Sem contar que quando você faz uma pesquisa no seu celular normalmente você cai em uma busca do Google. Então isso é um importante indício de que você precisa de um site.

Separamos agora uma lista de perguntas onde poderá ser respondido se você precisa ou não de um site.

Sua loja ou empresa vende apenas para moradores do seu bairro? Você não precisa de um site. Caso você venda para pessoas que estão além do seu bairro já seria um indicativo para você ter um site.

Vendo bijuterias, será que eu preciso de um site ?

Na maioria dos casos não. Caso você tenha peças ou fabrique peças que ninguém vende igual, então já seria indicado sim não só um site como possivelmente uma loja virtual.

Uma lista genérica de empresas que não precisam de um site:

Padaria, açougue, mercadinho, armarinho, bazar, loja de materiais de construção*, loja de roupas do bairro, brechó, boteco, bar, lanchonete entre outros. De forma geral esses tipos de empresas só precisariam de um site caso elas fossem uma rede como por exemplo uma rede de padarias, uma rede de mercadinhos e por aí vai.

Uma lista genérica de empresas que precisam de um site:

Escolas, cursos, lojas de roupas com filiais, restaurantes ou lanchonetes com comidas exóticas, lojas de móveis, prestadores de serviços em geral, empresas ou pessoas que fazem produtos ou objetos personalizados, pessoas ou empresas que se encontram em salas comerciais escondidas, ou lugares onde é difícil ter um letreiro. Profissionais liberais, profissionais da área médica, clínicas especializadas, hospitais, hotéis, pousadas, empresas de turismo, rede de academias entre outros. 

Em termos gerais pense da seguinte forma quando você está com um problema você pesquisa no Google, no Facebook, Instagram, ou WhatsApp ?

Na nossa concepção todo produto que deriva de uma pesquisa advinda do Google deveria ter um site e o mesmo se aplica para serviços.

Se o seu concorrente tem um site talvez você deveria ter um agora se no seu ramo ninguém possui site talvez seja um indicador para você também não ter ou talvez você seja pioneiro no seu ramo tendo um site bem estruturado.

É claro que esse assunto não se encerra por aqui, queremos saber a sua opinião e a sua experiência de negócio. Fique à vontade para falar conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *